Páginas

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

A Dama espera (16)

Sylvie, a Marquesa de Bartlebyrne, era viúva quase toda a sua vida. Seu filho adulto se encontra estudando fora e deixou Sylvie a cargo da propriedade familiar. Um velho amigo de seu marido pede-lhe ajuda, necessita que seu filho que acaba de ser nomeado Vigário se afaste de Londres e possa exercer em seu condado. Sylvie aceita sem sequer imaginar como mudará sua vida.
O novo vigário, o senhor Edmund James, tem vinte e seis anos, é muito bonito e sua família espera que ao fim se reforme. Edmund não tem muitas opções, obrigado a ser Vigário sabe que sua família está-lhe dando a última oportunidade, ou viaja para Byrnham ou se faz cargo das dívidas que seus anos de estudante lhe conduziram.


Sylvie ao vê-lo não pode evitar cair ante o charme magnético do jovem, mas o que mais a envergonha é a força com que o deseja. Ela, a mãe de um Lorde, uma mulher mais velha não pode ter esses pensamentos, não pode pensar nessas coisas que quer que ele lhe faça, onde e quão freqüentemente.
Sylvie está em apuros. Sim, Edmund também sabe disso, especialmente quando decide que a única coisa interessante de seu trabalho de Vigário é trabalhar lado a lado com essa preciosa mulher. Deverá seduzi-la até fazê-la esquecer seus tolos preconceitos sobre sua idade?




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá Querida leitora (o), este espaço é pra você nos dizer o que pensa do livro, do autor e do blog, cuidado com Spoiler e ofensas, no mais tudo pode... bjs

Nosso Banner