Páginas

quarta-feira, 28 de março de 2012

Diario de vampiro 00 - A Instituição




NAQUELA NOITE, CASSIE TEVE UM SONHO — OU TALVEZ NÃO FOSSE UM sonho. Ela sonhou que a mãe e a avó entraram no quarto, andando silenciosamente, quase deslizando no chão. No seu sonho, ela estava ciente delas, mas não pôde se mexer enquanto elas a levantaram da cadeira tiravam suas roupas, e colocavam-na na cama. Então elas ficavam em pé sobre a cama, olhando para ela. Os olhos da mãe eram acanhados, escuros e impenetráveis.
Pequena Cassie , a avó disse com um suspiro. Finalmente. Mas que pena... ―Shh! a mãe disse rapidamente. Ela vai acordar.
A avó suspirou novamente. Mas você não consegue ver que esse é o único jeito...
Sim , a mãe disse sua voz vaga e resignada. Eu consigo ver que você não pode fugir do destino. Eu não deveria ter tentado.
Foi exatamente isso que eu pensei, Cassie percebeu enquanto o sonho se desbotava. Você não fugiu do destino. Vagamente, ela pôde ver a mãe e a avó andando na direção da porta, e ela pôde ouvir o sussurro de suas vozes. Contudo, não pôde distinguir as palavras até sair um som sibilante.
“... sacrifício...”
Ela não tinha certeza sobre qual das mulheres dissera aquilo, mas ecoou repetidamente na sua mente. Até mesmo quando a escuridão cobriu-a, ela continuou ouvindo. Sacrifício... Sacrifício... Sacrifício...


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá Querida leitora (o), este espaço é pra você nos dizer o que pensa do livro, do autor e do blog, cuidado com Spoiler e ofensas, no mais tudo pode... bjs

Nosso Banner