Páginas

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Kit e Byron (3)


Byron afastou os olhos do atormentado e dolorido corpo de Kristof Beauchamp. Não estava muito seguro de poder agüentar a raiva por tempo. O homem responsável estava naquela casa e Byron faria com que ele pagasse. Mas seu dever neste momento estava ali ao lado do amigo que morria. 
__ Katrine… Você cuidará? Ela é tão jovem... E agora sozinha… 
Byron sustentou apertadamente a mão de Kristof e rompeu uma promessa.



O Inerente tinha sido tão golpeado, tão machucado, que o vampiro duvidava que o Shifter notasse. Quando Byron deslizou dentro dele e separou a dor do homem, Kris foi capaz de respirar e pensar sem a dor que lhe causava a mistura de prata e veneno.
__ Cuidarei da moça como se ela fosse minha, - prometeu Byron alisando em sua nuca, o cabelo enredado pelo suor de Kris. O ar estava saturado do veneno que corria o corpo de Kris e Byron colocou sua fúria sob controle outra vez. Uma bala de prata cheia com… Veneno. E servia a um só objetivo e assim foi exatamente como aconteceu.  Haviam colocado veneno dentro de uma bala oca de prata, que tinha explodido  com o impacto no corpo de Kris e até agora o desgastava como ácido.
__Ella não sempre será uma menina, e depois? - Perguntou Kris, com o sotaque espesso de cansaço.
_ Farei com que Kit tenha tudo àquilo que deseje de coração.  - Prometeu Byron.  __Jamais precisará de nada.
Kris riu e o sangue escapou de sua boca. __ Minha Bela é tão formosa… Você recorda. Kit, terá tudo o que desejar.  -Seu sotaque, uma combinação do russo e francês estava difícil de entender… 
__Bela ? - Sua mãe tinha morrido três anos antes durante o parto.
 ____ Ah, minha Bela. Vejo-a agora. Mas Katrine... Abandonar meu bebê destroça meu coração
__Vá com Bela.  - Sussurrou Byron, sentindo as lágrimas que apareciam em seus olhos. Ele podia ouvir os gritos do bebê. O ouvido de uma criança Inerente era agudo e ela ouvira seu pai. Alguns dos seus deveriam tê-la afastado. Teriam muita sorte se suas cabeças não rodassem por ter deixado o bebê ali. 
- Cuidarei de Kit, prometo-lhe. Farei tudo o que estiver em meu poder para que ela seja feliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá Querida leitora (o), este espaço é pra você nos dizer o que pensa do livro, do autor e do blog, cuidado com Spoiler e ofensas, no mais tudo pode... bjs

Nosso Banner